Candy Colors!

A tendência do Candy Colors já está presente em nossas vidas tanto na moda, quanto na decoração. Inclusive falamos aqui sobre ela.

Agora, a Butzke também apresenta móveis que complementam essa tendência que, com sua delicadeza e sofisticação, deixa os ambientes com um toque mais suave.

Confira as novidades da Butzke nesses tons:

A Linha São Paulo expõe um jogo completo de cadeiras nos tons Candy Colors, como o Branco, o Verde, o Azul Caribe, o Rosa e o Cinza.

A tradicional Linha Rio acompanha a tendência com as cores Verde Oliva e Rosa Nude.

Para finalizar, o Balançotte, também expressa suas cores em Candy Colors nos mesmos tons da linha São Paulo.

Essas cores trazem o ar de nostalgia que lembra os anos 50 e 60. Uma delicadeza única que combina com qualquer ambiente!

linha-sao-paulo-1 linha-sao-paulo-mesa-xis-4 cadeira-rio-acrilico-foto-lio-simas-4 poltrona-bigua-foto-lio-simas-3

Estilo escandinavo marca nova coleção da Butzke

O design escandinavo, um dos mais apreciados pelos amantes do design, foi a inspiração para a nova aposta da Butzke que traz em sua recente coleção uma série de móveis produzidos em madeira piquiá. Ideal para uso em áreas externas, já que possui resistência muito superior em relação à outras madeiras, a piquiá se mostrou bastante conservada quando exposta à intempéries. A excelente durabilidade dessa espécie colaborou para a seleção da marca que também levou em consideração, o tom claro, o toque sedoso e o excelente acabamento que remete ao tipo e aos traços criados em produtos dos países nórdicos.

A cadeira Jandaia e a poltrona Uirapuru, assinadas pela Asa Design com exclusividade para a Butzke, todas igualmente produzidas com piquiá, marcam o início do uso da madeira pela Butzke. Para Michel Otte, à frente da marca, trata-se de uma nova experiência, mas que promete bons resultados. “A madeira piquiá é nobre e seu uso pouco explorado no mercado nacional. Como sempre buscamos novidades, essa matéria-prima vai agregar ainda mais qualidade e beleza em nossas peças”, pontua Michel.

A escolha dessa madeira vai ao encontro das propostas de produção da marca: peças que são pensadas para circular confortavelmente entre espaços públicos e residenciais, grandes projetos arquitetônicos ou domésticos, perdurando ao longo do tempo. Isso é possível, pois a condição superior do piquiá permite que seja uma peça atemporal, um objeto para a vida toda.

poltrona-sofa-e-mesa-auxiliar-malibu_foto-lio-simas-2 cadeira-e-mesa-jandaia_foto-lio-simas-1 poltrona-uirapuru-1

Butzke e o concurso Timbó Mais Florida

O Município de Timbó, através do Departamento de Turismo, lançou o 1º Concurso de Jardins de Timbó intitulado “Timbó Mais Florida”.

 

Além de decorar a cidade, o concurso visa tornar Timbó referência em jardinagem e cultivar a tradição da manutenção dos jardins e, assim, repassar essa cultura para futuras gerações.

 

As inscrições ocorreram no mês de setembro e de forma gratuita. Todo o processo de avaliação aconteceu no dia 21 de outubro e contou com 13 inscrições residenciais e 5 empresariais. Os critérios de julgamento foram: variedades e combinação, visibilidade e relação, beleza, diversidade de espécies existentes e ainda, respeito dos jardins com o ambiente ao seu redor.

 

Fizemos questão de prestigiar esse evento através de um incentivo aos participantes. Os primeiros colocados de cada categoria ganharam um conjunto de móveis Butzke para o jardim. Além desse prêmio, os vencedores de cada categoria receberam respectivamente os prêmios de R$ 1000,00 (hum mil reais), R$ 500,00 (quinhentos reais) R$ 300,00 (trezentos reais).

 

A entrega da premiação ocorreu na terça-feira (04/11). Os vencedores da categoria residencial foram: 1ª colocada – Edelgard Maier (Rodovia SC 417), 2ª colocada – Dagmar I. Luetke (Rua Espanha) e 3º colocado – Horst U. Tiedje (Avenida Nereu Ramos).

 

E na categoria jardim empresarial: 1° colocado – Rudolph Usinados SA, 2° colocado – Peixinhos Lange e 3° colocado – Tipotil Indústria Gráfica Ltda.

 

Confira os ganhadores e seus jardins:

 

 

Edelgard Maier (1ª colocada – residencial), se surpreendeu com o resultado, pois não esperava o primeiro lugar. Seu pequeno recanto possui uma harmoniosa combinação de plantas e flores, encantando os jurados.

 

Dagmar Lütke (2ª colocada – residencial), tem seu jardim como um hobby e que tem muito prazer em cultivá-lo. Sentiu seu esmero reconhecido com o prêmio.

 

Horst Tiedje (3° colocado – residencial), exibiu orgulhosamente sua coleção de mais de uma centena de medalhas e prêmios pelo cultivo de orquídeas. Seu jardim é incrível pela belíssima distribuição das espécies.

 

Volfgand Rudolph (1° colocado – empresarial), representando a empresa Rudolph Usinados SA, destacou ao receber o prêmio que recebemos de Deus toda variedade de espécies e o cenários cuidadosamente criado por Ele. É nosso dever cuidar e valorizar o que nos foi dado de presente para que as futuras gerações possam usufruir desses benefícios.

 

Heribert Lange (2° colocado – empresarial) recebeu o prêmio pela empresa Peixinhos Lange. Emocionado com o prêmio, destacou a importância do concurso para incentivar os moradores a se inspirarem em cultivar flores e enfeitar a cidade.

 

Rubia L. Germer Pelin (3° colocado – empresarial) representou a Tipotil Indústria Gráfica LTDA. Ela atribuiu o prêmio aos pais, que fazem questão de cuidar do jardim da empresa. Contou que pretende investir principalmente nos fundos do pátio, onde está localizado o refeitório, para que os funcionários desfrutem de um lugar agradável próximo a natureza em seus momentos de descanso e lazer.

 

É muito gratificante ver um evento assim acontecer na cidade da nossa sede. Por isso, fizemos questão de contribuir com a dedicação e esforço dos vencedores. Parabéns a todos!

O que você precisa saber sobre pérgulas

No final do século XV, era comum ver jardins com túneis verdes, feitos de plantas que eram agrupadas, formando uma série de arcos. Nesses arcos, eram criadas plantas trepadeiras, o que formava sombra na passagem e era um local que permanecia fresco e seco durante as chuvas. Essas passagens eram os antecessores dos pergolados.

 

 

Atualmente, as pérgulas são vistas em jardins, terraços, pátios externos ou em residências, devido a sua funcionalidade. Podem servir como passagem, um espaço para a criação de plantas ou um ambiente externo para lazer.

 

 

As pérgulas são geralmente encontradas em três tipos de materiais: madeira, ferro e concreto.

 

Os pergolados de madeira normalmente são usados para decoração, pois garantem beleza e sofisticação. Cobertos ou não, são neles que o cultivo de trepadeiras é mais frequente.

 

 

 

Já o de ferro possui uma estética diferenciada, há a leveza da estrutura e também possibilita diversos formatos e opções de cores.

 

 

 

E por último, o pergolado de concreto. Como é feito com um material resistente, ele tende a durar mais sem manutenção.

 

Planejando o jardim? Saiba quais plantas escolher de acordo com a incidência de sol.

Na hora de decidir quais plantas vão incorporar a parte verde da sua casa, é preciso estar atenta à incidência de sol no ambiente.

Em locais em que há pleno sol, são recomendadas plantas como:
Acalifa, Altéia, Alamandra, Azulzinha, Amarelinha, Bambú de Jardim, Bambuza, Bico de Papagaio, Camélia, Cavalinha, Cheflera, Cravo, Cravina, Crista de Galo, Flor Ave do Paraíso, Gerbera, Grama Amendoim, Hibisco, Jasmim, Lanterna Chinesa, Manacá, Maria sem Vergonha, Onze Horas, Palmeira Ráfia, Papiro, Petúnia, Pingo de Ouro, Pinheiro Dourado, Rabo de Gato, Rabo de Raposa, Roseiras, entre outras.

Alamandra 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Outras plantas já se mostram um pouco mais versáteis. Amor Perfeito, Árvore da Felicidade, Azaleia, Carijó, Cica, Copo de Leite, Comigo Ninguém Pode, Estrela Azul, Espirradeira, Gravatá, Gravatinha, Helicônia, Ixôra, Jibóia, Léia, Maravilha, Palmeira Areca, Ruélia e Kalanchoe são ótimas opções quando o ambiente conta tanto com Meia-Sombra quanto com Pleno Sol.

Copo de Leite

Para ambientes de Meia Sombra, recomenda-se:

Antúrio, Asplênio, Aspargo, Avenca, Banana Imbê, Begônia, Beijo de Frade, Bromélia, Chifre de Veado, Columeia, Crisântemo, Dinheiro em Penca, Espiga Dourada, Filodendro, Gloxínia, Hortência, Iris, Licuala, Lírio, Maranta, Orquídea, Peixinho, Peperômia, Prímula, Punhal Malaio, Renda Portuguesa, Ripsális, Spatifilio e Samambaias.

Hortência

Agora é só escolher a sua preferida e montar seu espaço em meio à natureza.